Teletrabalho: cinco conselhos para ser produtivo

O home office passou a ser a realidade de grande parte dos portugueses, mas trabalhar em casa pode ser mais difícil do que parece. Neste artigo damos-lhe algumas sugestões para que não perca a produtividade.

O isolamento social implica, também, o teletrabalho e desde que o surto de Covid-19 atingiu o nosso país, foram muitas as pessoas que adotaram a casa como local para trabalhar: a sala, o quarto ou a cozinha passaram a ser o escritório e a sala de reuniões.

Mas para quem não tem por hábito trabalhar desta forma, ou para quem está a tomar conta de crianças durante o horário laboral, o teletrabalho pode ser um verdadeiro desafio. Assim, damos-lhe cinco sugestões que pode pôr em prática para que não perca a produtividade.

1 – Manter as rotinas o mais inalteradas possível

A pandemia e o isolamento social são, já de si, situações absolutamente extraordinárias e que nos podem afetar psicologicamente. Dessa forma, é importante fazermos um esforço para mantermos as nossas rotinas o mais inalteradas possível. Tente acordar à hora do costume e fazer tudo como faria habitualmente se fosse para o escritório: por exemplo, fazer exercício – se tinha por hábito ir ao ginásio de manhã – tomar um duche, vestir-se e tomar o pequeno-almoço. Depois pode, então, começar o seu dia de trabalho.

2 – Definir locais e horários de trabalho

paige-cody-ITTqjS3UpoY-unsplash

Quando estamos em casa pode ser bastante tentador trabalhar no sofá ou na cama, mas é um erro. Para além de serem muito pouco ergonómicos e, por isso, poderem causar bastantes dores de costas, levar o computador para estes locais leva a quebras da produtividade, já que a tendência para procrastinar é muito maior. Assim, – e se não tem um escritório em casa – procure um espaço que possa servir como local de trabalho. O importante é que seja sossegado, perto de uma janela para ter luz natural, que tenha uma mesa, uma cadeira confortável e tudo o que precisa para as suas tarefas.

Na Worten e na Fnac encontra todos os materiais de que poderá precisar para fazer o seu escritório caseiro e na galeria abaixo deixamos-lhe algumas sugestões.

Para além disso, é igualmente importante definir um horário de trabalho. O regime de home office pode levar-nos a cair na tentação de trabalhar a qualquer hora do dia, mas isso só faz com que nos desgastemos muito mais, física e psicologicamente. Dessa forma, estabeleça um horário de início e de fim para o dia de trabalho e estruture os seus dias: de manhã organize e defina prioridades para as tarefas do dia, e ao final na tarde desligue o computador e todas as notificações.

Não se esqueça, também, de ir fazendo pausas ao longo do dia: ninguém consegue trabalhar ininterruptamente e de forma produtiva durante oito horas. Pare 10 ou 15 minutos a meio da manhã ou da tarde e ande um pouco pela casa e tente cumprir a hora habitual de almoço.

3 – Manter o contacto com os colegas de trabalho

photography-of-woman-using-laptop-1181681As conversas com os colegas, sejam profissionais ou apenas para descontrair, fazem parte dos dias de trabalho e são importantes para tentar manter uma aparente normalidade. Nesse sentido, e mesmo que o seu trabalho seja mais “solitário” e não feito em equipa, não deixe de conversar com os seus colegas.

Se quiser fazer videochamadas, por exemplo, há uma grande variedade de apps que pode utilizar: o Skype, o Hangouts, o Zoom ou o Whereby são apenas algumas delas e são todas gratuitas.

4 – Separar as atividades domésticas do trabalho

dan-gold-aJN-jjFLyCU-unsplashO facto de estarmos a trabalhar em casa pode levar-nos a cair na tentação de pararmos o que estamos a fazer para irmos completar algumas tarefas domésticas. É fácil cairmos no erro de, enquanto esperamos que nos enviem algum documento ou informação, irmos pôr a roupa a lavar ou apanhar a que está no estendal. Isso só faz com que quebremos o ritmo de trabalho e, muito provavelmente, faz com que fiquemos a trabalhar até mais tarde.

Para além disso, acaba por não conseguir fazer tudo, nem numa área, nem noutra, por andar sempre a “saltar” de tarefa em tarefa. Assim, reserve algum tempo logo de manhã cedo ou ao fim do dia para as lides domésticas.

5 – Impor limites às crianças e reservar tempo para elas.

photo-of-man-painting-cardboard-3933263Trabalhar ao mesmo tempo que se cuida de filhos pequenos não é uma tarefa fácil. E o regime de home office com crianças em casa pode significar uma quebra na produtividade. Mas há formas de contornar o problema: se os seus filhos já tiverem idade suficiente para compreender o que se passa, indique-lhes o seu local de trabalho e o horário que definiu e explique-lhes que esse sítio e tempo estão reservados para trabalhar.

No entanto, também é importante dar-lhes atenção e reservar algum tempo para os mais pequenos. Assim, aproveite as pausas que for fazendo ao longo do dia e guarde um bocadinho de tempo ao final da tarde para estudar ou brincar com eles.

E se já não tem mais ideias de atividades para fazer com eles, damos-lhe algumas sugestões de jogos que pode encontrar na Fnac e encomendar online.

Categorias
Família
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço