Duas mãos cheias de curiosidades sobre os Óscares 2018

A 4 de março tem lugar a 90ª cerimónia de entrega dos Academy Awards, os mais desejados prémios da Sétima Arte. Já em contagem decrescente, revelamos alguns dos segredos desta edição.

Do “Melhor Filme” ao “Melhor Ator Principal, da “Melhor Banda Sonora” ao “Melhor Guarda-roupa”, muitos são os prémios e os vencedores desta que é a mais aguardada das noites no mundo do cinema.

Este ano, a cerimónia acontece a 4 de março, como sempre no Dolby Theatre, em Los Angeles, e será conduzida, pelo segundo ano consecutivo, pelo comediante Jimmy Kimmel. Estima-se que a gala seja transmitida para mais de 225 países, alcançando centenas de milhões de pessoas apaixonadas pela Sétima Arte.

Se é uma daquelas pessoas que não perde esta noite por nada e já está em contagem decrescente, deixamos-lhe dez curiosidades sobre os Óscares 2018 e os seus candidatos.

Sabia que…

1.  “A Forma da Água” é o filme que arrecadou maior número de nomeações este ano? No total foram 13 mas, ainda assim, não bateu recordes. “La La Land” conquistou 14 nomeações no ano passado, bem como “Titanic” e “All About Eve”.

2. Oito foi o número de atores que receberam a sua primeira nomeação este ano? São eles Margot Robbie, Timothée Chalamet, Daniel Kaluuya, Mary J. Blidge, Leslie Manville, Allison Janney, Laurie Metcalf e Sam Rockwell.

3. Meryl Streep é a atriz viva com mais nomeações aos Óscares, com um total de 21 indicações? Mas não é o único recorde. Denzel Washington carrega consigo nove nomeações que fazem deste o ator afro-americano mais nomeado de sempre.

4. Christopher Plummer, ator em “Todo o Dinheiro do Mundo”, é o mais velho a ser nomeado na história dos Óscares? Tem 88 anos.

5. Após Kevin Spacey ter sido afastado de “Todo o Dinheiro do Mundo”, devido a alegadas acusações de abusos sexuais, Christopher Plummer demorou apenas nove dias a filmar novamente todas as cenas em que ator entrava?

6. “Dunkirk” foi o filme mais caro dos nomeados para “Melhor Filme”? A obra de Christopher Nolan custou 100 milhões de dólares.

7. 1059 mil milhões de dólares é o total de lucro mundial de bilheteiras dos nove nomeados para “Melhor Filme”? Metade deste valor pertence a “Dunkirk”.

8. Os Óscares têm um português nomeado? Luís Sequeira é o talento por detrás do guarda-roupa do filme de Guillermo Del Toro, “A Forma da Água”.

9. Ebbing, no filme “Três Cartazes à Beira da Estrada” não existe? A cidade foi inventada pelo realizador Martin McDonagh. O verdadeiro local onde foi gravado o filme é Sylva: uma pequena cidade na Carolina do Norte que conta apenas com 2500 habitantes.

10. Casey Affleck irá quebrar a tradição dos Óscares este ano? Por norma, o anterior vencedor da categoria de “Melhor Ator” teria que apresentar o vencedor do ano seguinte da mesma categoria. Contudo, devido à polémica de assédio em Hollywood, Casey Affleck tomou a decisão de não comparecer à gala. Um outro fator que contribuiu para a sua opção foram as 20 mil pessoas que assinaram uma petição para impedir o ator de subir ao palco.

Conhecia todas estas curiosidades? E qual é o seu filme favorito nesta corrida aos Óscares? Caso ainda não saiba todos os nomeados, deixamos a lista completa de candidatos.

Melhor Filme
“Call Me by Your Name” (“Chama-me Pelo Teu Nome”)
“Darkest Hour” (“A Hora Mais Negra”)
“Dunkirk”
“Get Out” (“Foge”)
“Lady Bird” (“Lady Bird — A Hora de Voar”)
“Phantom Thread” (“Linha Fantasma”)
“The Post” (“The Post — A Guerra Secreta”)
“The Shape of Water” (“A Forma da Água”)
“Three Billboards Outside Ebbing, Missouri” (“Três Cartazes à Beira da Estrada”)

Melhor Ator
Timothée Chalamet, em “Call Me by Your Name” (“Chama-me pelo teu Nome”)
Daniel Day-Lewis, em “Phantom Thread” (“Linha Fantasma”)
Daniel Kaluuya, em “Get Out” (“Foge”)
Gary Oldman, em “Darkest Hour” (“A Hora Mais Negra”)
Denzel Washington, em “Roman J. Israel Esq.”

Melhor Atriz
Sally Hawkins, em “The Shape of Water (“A Forma da Água”)
Frances McDormand, em “Three Billboards Outside Ebbing, Missouri” (“Três Cartazes à Beira da Estrada”)
Margot Robbie, em “I, Tonya” (“Eu, Tonya”)
Saoirse Ronan, em “Lady Bird” (“Lady Bird — A Hora de Voar”)
Meryl Streep, em “The Post” (“The Post — A Guerra Secreta”)

Melhor Ator Secundário
Willem Dafoe, em “The Florida Project” (“Projeto Flórida”)
Woody Harrelson, em “Three Billboards Outside Ebbing, Missouri” (“Três Cartazes à Beira da Estrada”)
Richard Jenkins, em “The Shape of Water” (“A Forma da Água”)
Christopher Plummer, em “All the Money in the World” (“Todo o Dinheiro do Mundo”)
Sam Rockwell, em “Three Billboards Outside Ebbing, Missouri” (“Três Cartazes à Beira da Estrada”)

Melhor Atriz Secundária
Mary J. Blige, em “Mudbound” (“Mudbound – Lágrimas Sobre o Mississipi”)
Allison Janney, em “I, Tonya” (“Eu, Tonya”)
Lesley Manville, em “Phantom Thread” (“Linha Fantasma”)
Laurie Metcalf, em “Lady Bird” (“Lady Bird — A Hora de Voar”)
Octavia Spencer, em “The Shape of Water” (“A Forma da Água”)

Melhor Realizador
Christopher Nolan, “Dunkirk”
Jordan Peele, “Get Out” (“Foge”)
Greta Gerwig “Lady Bird” (“Lady Bird — A Hora de Voar”)
Paul Thomas Anderson, “Phantom Thread” (“Linha Fantasma”)
Guillermo del Toro, “The Shape of Water” (“A Forma da Água”)

Melhor Filme de Animação
“Loving Vincent” (“A Paixão de Van Gogh”)
“Coco”
“The Boss Baby”
“The Breadwinner”
“Ferdinand”

Melhor Curta de Animação
“Dear Basketball”
“Garden Party”
“Lou”
“Negative Space”
“Revolvting Rhymes”

Melhor Curta-Metragem
“Dekalb Elementary”
“The Eleven O’Clock”
“My Nephew Emmett”
“The Silent Child”
“Watu Wote/All of Us”

Melhor Documentário
“Abacus: Small Enough To Jail”
“Faces Places”
“Icarus”
“Last Men In Aleppo”
“Strong Island”

Melhor Curta Documental
“Edith+Eddie”
“Heaven is a Traffic Jam on the 405”
“Heroin(e)”
“Knife Kills”
“Traffic Stop”

Melhor Montagem
“Baby Driver” (“Baby Driver: Alta Velocidade”)
“Dunkirk”
“I, Tonya” (“Eu, Tonya”)
“The Shape of Water” (“A Forma da Água”)
“Three Billboards Outside Ebbing, Missouri” (“Três Cartazes à Beira da Estrada”)

Melhor Filme Estrangeiro
“A Fantastic Woman” (Chile)
“The Insult” (Líbano)
“Loveless” (Rússia)
“On Body And Soul” (Hungria)
“The Square” (Suécia)

Melhor Fotografia
“Blade Runner 2049”
“DarkestHour” (“A Hora Mais Negra”)
“Dunkirk”
“Mudboud”
“The Shape of Water”

Melhor Guarda-Roupa
“Beauty and the Beast” (“A Bela e o Monstro”)
“DarkestHour” (“A Hora Mais Negra”)
“The Shape of Water” (“A Forma da Água”)
“Phanton Thread” (“Linha Fantasma”)
“Victoria & Abdul”

Melhor Caracterização
Kazuhiro Tsuji, David Malinowski e Lucy Sibbick, ”Darkest Hour” (“A Hora Mais Negra”)
Daniel Phillips e Lou Sheppard, “Victoria & Abdul”
Arjen Tuiten, “Wonder”

Melhor Banda Sonora
“Dunkirk”
“Phantom Thread” (“Linha Fantasma”)
“The Shape of Water” (“A Forma da Água”)
“Star Wars: The Last Jedi” (“Star Wars: Os Últimos Jedi”)
“Three Billboards Outside Ebbing, Missouri” (“Três Cartazes à Beira da Estrada”)

Melhor Canção Original
“Mighty “River” (Raphael Saadiq), do filme “Mudbound” (“Mudbound — Lágrimas Sobre o Mississipi”)
“Mistery of Love” (Sufjan Stevens), do filme “Call Me by Your Name”
“Remember Me” (Kristen Anderson-Lopez e Robert Lopez), do filme “Coco”
“Stand Up For Something” (Diane Warren, Lonnie R. Lynn e Diane Warren), do filme “Marshall”
“This is Me” (Benj Pasek e Justin Paul), do filme “The Greatest Showman” (“O Grande Showman”)

Melhor Direção de Arte
“Beauty and the Beast” (“A Bela e o Monstro”)
“Blade Runner 2049“
“Darkest Hour” (“A Hora Mais Negra”)
“Dunkirk”
“The Shape of Water” (“A Forma da Água”)

Melhor Edição Sonora
“Baby Driver” (“Baby Driver: Alta Velocidade”)
“Blade Runner 2049″
“Dunkirk”
“The Shape of Water” (“A Forma da Água”)
“Star Wars: The Last Jedi” (“Star Wars: Os Últimos Jedi”)

Melhor Mistura de Som
“Baby Driver” (“Baby Driver: Alta Velocidade”)
“Blade Runner 2049″
“Dunkirk”
“The Shape of Water” (“A Forma da Água”)
“StarWars: TheLastJedi” (“Star Wars: Os Últimos Jedi”)

Melhores Efeitos Visuais
“Blade Runner 2049”
“Guardians of the Galaxy Vol. 2” (“Guardiões da Galáxia Vol. 2”)
“Kong: Skull Island” (“Kong: A Ilha da Caveira”)
“Star Wars: The Last Jedi” (“Star Wars: Os Últimos Jedi”)
“War for the Planet of Apes” (“Planeta dos Macacos: A Guerra”)

Melhor Argumento Original
“The Big Sick” (Emily V. Gordon e Kumail Nanjiani)
“Get Out” (Jordan Peele)
“Lady Bird” (Greta Gerwig)
“The Shape of Water” (Guillermo del Toro e Vanessa Taylor)
“Three Billboards Outside Ebbing, Missouri” (Martin McDonagh)

Melhor Argumento Adaptado
“Call Me By Your Name” (James Ivory)
“The Disaster Artist” (Scott Neustadter e Michael H. Weber)
“Logan” (Scott Frank, James Mangold e Michael Green)
“Molly’s Game” (Aaron Sorkin)
“Mudbound” (Virgil Williams e Dee Rees)

Categorias
Cultura
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço